SANTALUZ

 

HISTÓRIA

 

A sede municipal de Santaluz se originou, no século passado, de uma estação ferroviária da Leste Brasileiro, obra implantada em local onde havia uma aglomeração de casas, dentro da Fazenda Santa Luzia, no município de Queimadas. Com a inauguração e utilização frequente da Estação, formou-se um Arraial, sendo edificadas casas residenciais e comerciais. O município foi criado com a denominação de Santa Luzia e território desmembrado de município de Queimadas por Decreto Estadual de 18 de julho de 1935. Em 1943 o topônimo foi alterado para Santaluz. A sede, criada distrito com a denominação de Santa Luzia em 1918, foi elevada à categoria de cidade por Decreto Estadual de 30 de março de 1938.

 

POPULAÇÃO

 

População estimada (IBGE 2020): 37.531 hab.

População do último Senso (IBGE 2010): 33.838 hab.

 

 

CULTURA

 

Destaca-se como manifestações culturais, o aniversário da cidade (julho), festas juninas (junho), festa da padroeira (dezembro), festas de denominações evangélicas, além de manifestações tradicionais que tentam sobreviver: reisado, piegas, samba-de-roda, entre outras, capoeira.

 

Na Literatura de Cordel destaca-se Nelci Lima da Cruz, Edisvânio Nascimento,  Justino Nunes dentre outros. Na Literatura Moderna, Guido Guerra, Epitácio Carvalho, entre outros. A cidade possui uma Biblioteca Municipal.

 

Artesanatos em barro, sisal, madeira, pedra (cantaria), etc.

 

Na música, encontra-se algumas bandas locais.

 

Na pintura, destaca-se o pintor Dema Reis, com trabalho de alcance internacional.

 

 

 

ECONOMIA

 

Agricultura

Produção expressiva de sisal, milho, feijão, mandioca e hortaliças entre outras culturas, em menor escala.

 

Pecuária

Destacam-se os rebanhos bovinos de leite e corte, ovinos, caprinos, asininos, muares, galinhas caipira de postura e frango.

 

Indústria e comércio

Conforme registros na JUCEB, o município possui 88 indústrias, 64º. lugar na posição geral do estado da Bahia, e 538 estabelecimentos comerciais, 86ª. posição dentre os municípios baianos.

 

Mineração

No setor de bens minerais, é produtor de cromo, ouro, magnésio, prata e granito azul para a produção de lajes, meio-fio e paralelepípedos.

 

Hotelaria

A rede hoteleira é composta por alguns hotéis e pousadas. Destaca-se os hotéis Requinte, Santa Luzia e Point do Val.

 

 

POVOADOS

·         Boi Velho

·         Pereira

·         Algodões

·         Sisalândia

·         Nova Campina

·         Barreirinho

·         Limeira

·         Sítio Novo I

·         Sítio Novo II

·         Alagoinhas

·         Mucambinho

·         Escorrega

·         Formigueiro

·         Alagadício do Gato

·         Gravatá de Dentro

·         Vargem Funda

·         Junco

·         Rua da Palha

·         Rio Verde

·         Rio do Peixe

·         Tanque do Simão

·         Quixaba

·         Itarerú

·         Porco

·         Sítio Maria Vitória

·         Casas Velhas

·         Caldeirão

·         Queimada Redonda

·         Queimada do Milho

·         Cadeirãozinho

·         Boa Esperança

·         Ferreiro

·         Várzea da Pedrinha

·         Quebradas

·         Tapinha

·         Tombador

·         Antônio Conselheiro

·         Várzea da Pedra (Santaluz)

·         Lagoa Escura

·         Campo Grande de Cima

·         Serra Branca

·         Lagoa das Cabras

·         Calumbí

·         Morro Branco

·         Volta da Serra

·         Povoado Rose (Lagoa do Boi)

·         Novo Horizonte

·         Arapoá

·         Anjos

·         Miranda

·         Aracati

·         Areial

·         Capoeira Grande

 

 

DADOS GERAIS

 

Aniversário

18 de julho

 

Fundação

1935

 

Gentílico

Luzense

 

Distância até a capital

258 km

 

Área

1 597,202 km²

 

População Estimada

37.531 hab. IBGE/2020

 

Densidade

21,17 hab./km² (IBGE 2010)

 

Clima

Semiárido

 

 

 

Fontes:

IBGE: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/ba/santaluz/historico

Wikipédia: pt.wikipedia.org/wiki/Santaluz

 

Nossa gente vem de um povoado humilde,
de um povo muito forte indole, feliz,
das origens dos nossos antepassados,
dos orgulhos, de grandes felicidades.

Com fervor a nossa terra santa,
Padroeira que ilumina essa cidade,
Santa Luzia é vida amor e fé,
que nos conduz a fraternidade,

Cidade Santaluz,
A nossa gente é tua,
Brilhas como o sol,
Brilhas como a lua. (bis)

Terra que o homem reparte o pão,
lhes dando o sisal por toda região,
Calcárias, pedras tão formozas,
Emergentes em grade produção.

Eis a vida de trabalho e progresso,
cidade sisaleira eis grandeza,
Ao teu povo generoso traduz,
Aos teus filhos o valor da natureza.

Cidade Santaluz,
A nossa gente é tua
Brilhas como o sol
E como a lua. (bis)